Este é um blog pessoal, onde colocarei textos escritos por mim em momentos de alegria e de angustia e textos que chegam em minhas mãos através de e-mails de amigos e que de alguma forma tocam meu eu interior.

13 de julho de 2013

Quando o amanhã não chega

O amanhã nem sempre é um novo dia. Tem momentos em nossas vidas que o amanhã é um novo recomeço, uma nova idéia, uma expectativa que se realiza. 
Em outros momentos passam as noites, passam os dias e um novo amanhã não chega, estamos presos no labirinto de nossos pensamentos, de nossos sentimentos, nossas incertezas e até se alguém a quem amamos terá um amanhã. 
Não sei qual dói mais, se a certeza de que não haverá um amanhã ou a incerteza se haverá ou não.
Como explicar que estamos falando com alguém e no momento seguinte não há mais amanhã, sua vida se extinguiu em seus braços, em sua boca, ou então estamos conversando ao telefone, desligamos e dali a pouco recebemos a noticia que o amanhã não chegará mais para ela ou que ela resolveu que não quer mais amanhãs em sua vida, cansou da luta.
Como entender que alguém que foi criado de um sonho, de um amor entre duas pessoas não queira ter mais amanhãs, esteja novamente em uma cama de hospital sem desejo de luta, de recomeçar ao invés de acabar, quando já foi testemunha da luta pela vida de alguém que não tinha como lutar, mas deixou o hoje com um sorriso nos lábios, paz e alegria no coração.
Como seria bom se sempre houvesse a esperança de um amanhã todo colorido e não a sombra cinzenta de não haver um amanhã.